Volta Redonda prevê 1,5 mil vagas temporárias de fim de ano

O período de fim de ano é a época em que o comércio oferece vagas temporárias para atender às demandas de compras natalinas. Segundo o Sindicato do Comércio de Volta Redonda (Sicomércio-VR), devem ser abertas entre novembro e dezembro cerca de 1,5 mil oportunidades temporárias. E o setor vem demonstrando crescimento na geração de empregos no município, conforme dados de setembro do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado recentemente pelo Ministério da Economia. Foram 43 novos postos de trabalho criados em outubro e 134 em setembro – aumento de 211%.

Os números positivos também são identificados pelo Na Hora, unidade da prefeitura que funciona no bairro Retiro e também abriga o Sine (Sistema Nacional de Emprego). Dados da autarquia apontam que, entre os dias 15 de outubro e 10 de novembro, 463 pessoas passaram pelo local. Dessas, 113 já foram contratadas e estão previstas mais de 370 novas contratações.

Para Jerônimo dos Santos, presidente do Sicomércio-VR, apesar deste ano ter sido difícil para o setor, o Natal é uma data que ajuda a movimentar as vendas e que deve contribuir para reduzir os prejuízos.

“Também é uma boa oportunidade para quem perdeu o emprego conseguir voltar ao mercado de trabalho e para os comerciantes conseguirem recrutar mão de obra qualificada. Torcemos para que as vendas superem as nossas expectativas, muitos dos temporários sejam efetivados e a economia retome o ritmo de crescimento de antes da pandemia”, comentou.

O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rogério Loureiro, explicou que o crescimento do comércio é reflexo da retomada econômica na região, após a flexibilização das atividades durante a pandemia da Covid-19.

“Temos um comércio forte, tradicional em Volta Redonda, e a prefeitura trabalha no sentido de facilitar e incentivar a geração de emprego e renda. As novas vagas vão contribuir para beneficiar outros setores também, movimentando ainda mais a economia da cidade e do Sul Fluminense”, afirmou Rogério.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *