Drable consegue liminar que suspende afastamento

Rodrigo Drable obteve nesta sexta-feira, dia 31, uma liminar que suspende os efeitos da decisão do Tribunal de Justiça que determinou o seu afastamento do cargo de prefeito de Barra Mansa. A liminar, no entanto, pode ser derrubada a qualquer momento, inclusive pelo próprio órgão que a concedeu. O processo contra Drable segue em julgamento.

Drable ficou 18 dias fora do cargo, após ser afastado em investigação do Ministério Público, que aponta a tentativa do prefeito de comprar votos para a aprovação das contas de sua gestão relativas ao exercício de 2018. Também foram afastados os vereadores Paulo Chuchu, presidente da Câmara, e Zélio Show. O prefeito afirma que foi vítima de uma armação política e “que a verdade prevalecerá”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *