Servidora é presa ao levar drogas para o Degase

A funcionária pública Sandra Aparecida da Silva, de 37 anos, foi presa em flagrante, no dia passado, ao tentar entrar com drogas no Degase, o Departamento Geral de Ações Socioeducativas, no bairro Roma, em Volta Redonda. Não foram especificados os entorpecentes nem a quantidade. Segundo os agentes, as drogas estavam no recheio de biscoitos do tipo “goiabinha”. Segundo o Degase, a tentativa foi frustrada durante revista feita por duas inspetoras à mulher, que tem um irmão de 17 anos internado no Centro de Socioeducação. Ela foi levada até a delegacia de Volta Redonda, onde pagou fiança R$ 1.100 para responder em liberdade pelo crime de tráfico de drogas. Apesar da suspensão das visitas em razão da pandemia, os parentes dos internos podem levar pertences como biscoitos, frutas e toalhas para serem entregues aos adolescentes.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *