Estado não atinge meta, mas vacinas contra gripe acabam

Embora o Rio de Janeiro esteja entre os oito estados que não atingiram a meta de vacinação contra a gripe, os municípios não receberão novas doses da vacina, segundo a Secretaria Estadual de Saúde. Os estoques em pelo menos três cidades da região Sul Fluminense, Volta Redonda, Barra Mansa e Resende, estão zerados.

Estas localidades, no entanto, atingiram a meta, do Ministério da Saúde, determinando a imunização de 90% do público alvo. Em Barra Mansa a Campanha contra a Influenza acabou dia 21. Ao todo, cerca de 54.700 doses foram aplicadas entre o público alvo, sendo parte desse total, 5.400 doses destinadas à população geral.

Além do estado do Rio de Janeiro ficaram abaixo da meta: Acre (86,7%), Bahia (86%), São Paulo (84,7%), Paraná (86,9%), Santa Catarina (86,8%), Rio Grande do Sul (86,5%) e Mato Grosso do Sul (89,8%) e Rio de Janeiro (86,9%)

A vacina ficou disponível para os grupos prioritários entre os dias 10 de abril e 31 de maio. Após isso as doses que sobraram foram destinadas a população em geral. O grupo alvo são trabalhadores da saúde, puérperas, indígenas, idosos, professores e funcionários do sistema prisional.

Produzida para 2019, a vacina teve mudança em duas das três cepas e protege contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circularam no último ano no Hemisfério Sul, de acordo com determinação da OMS: tipo A, B e C – entre eles, o H1N1 e H3N2.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *