OAB REPUDIA ATITUDE DE RODRIGO DRABLE

A postura do prefeito de Barra Mansa, Rodrigo Drable, em relação ao convênio que originou a Casa Abrigo de Permanência Breve, inaugurada no dia Internacional da Mulher, em Volta Redonda, provocou uma nota de repúdio assinada pela OAB e OAB-Mulher, de Barra Mansa. O documento distribuído à imprensa no final de semana diz o seguinte:

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Barra Mansa repudia a postura do executivo de não assinar o convênio da Secretaria de Estado de Direitos Humanos e Políticas para Mulheres e Idosos (SEDHMI) do Rio de Janeiro, que inaugurou no Dia Internacional da Mulher, 8 de março, a Casa Abrigo de Permanência Breve em Volta Redonda.

Os municípios conveniados nesse programa terão o direito de encaminhar mulheres vítimas de violência doméstica para esse local, que tem endereço sigiloso. As mulheres podem ficar no espaço por até 15 dias, contando ainda com assistência jurídica e psicossocial.

Para o custeio da Casa Abrigo, houve uma parceria de sete cidades da região Sul Fluminense (Barra do Piraí, Pinheiral, Porto Real, Quatis, Resende, Vassouras e Volta Redonda) e Barra Mansa não está entre elas. Para o município estar conveniado, teria que investir apenas o valor de um funcionário e uma cesta de alimentos. A nota da OAB acrescenta que:

Essa estrutura oferece apoio às vítimas de violência doméstica, cujos indicativos do município Barra Mansa são os piores do Sul do Estado. E atualmente Barra Mansa não possui qualquer apoio semelhante, visto que o CEAM (Centro Especializado de Atendimento à Mulher da Casa da Mulher) foi fechado pela prefeitura.

Esta é a nota de repúdio assinada pelo OAB-Barra Mansa e Comissão OAB Mulher.

A omissão do prefeito de Barra Mansa no caso representa uma grande perda para a população, principalmente para as mulheres que vivem em situação de risco na cidade. Ao mesmo tempo em que repudia a decisão do prefeito, Barra Mansa cobra do Sr. Rodrigo Drable uma explicação para essa atitude.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *